Cuidados com a Saúde, Doenças comuns

O que ter em mente para consulta com oftalmologista?

oftalmologista

O oftalmologista é o médico especialista na saúde dos olhos. Em suas consultas, ele é capaz de analisar a dificuldade para enxergar, visão embaçada, coceira, lacrimejamento, vermelhidão ou incômodo na região.

Segundo recomendação da Organização Mundial de Saúde, OMS, as pessoas, sejam crianças ou adultos, deveriam se consultar com um oftalmologista ao menos 1 vez por ano. Sendo assim, mesmo que o paciente não apresente sintomas, o exame é indicado. Isso porque muitas doenças da visão são assintomáticas no início.

A OMS diz, ainda, que cerca de 80% dos casos de cegueira, no país, poderiam ser evitados se os indivíduos agissem com mais prevenção, ao invés de esperar algum sintoma aparecer.

Entenda mais, neste artigo, o que ter em mente antes de marcar sua consulta e como escolher um bom oftalmologista. Continue!

Qual a importância de fazer consultas com frequência?

O principal motivo é a prevenção. É comum que a uma doença ocular, no primeiro momento, não apresente sintomas característicos. Às vezes, começa com uma dor de cabeça ou um leve incômodo e a pessoa não leva muito a sério, por confundir com a manifestação de outra patologia ou mesmo indisposição.

Fácil ConsultaPowered by Rock Convert

O ideal é que os exames sejam feitos anualmente, ainda na infância. Indivíduos com problemas de saúde como diabetes e hipertensão ou com a idade mais avançada devem ter de ter uma atenção ainda maior. É mais fácil agir ainda no começo da doença, já que a intervenção é mais eficiente.

O que ter em mente antes de marcar a consulta?

A consulta com o oftalmologista variará de paciente para paciente. Isso porque a idade, características singulares e predisposições, como a genética, podem influenciar no aparecimento de um ou outro problema.

No entanto, é sempre bom ter em mente algumas situações típicas num atendimento:

  • tente lembrar de doenças preexistentes suas ou da sua família;
  • leve a receita do seus óculos atuais, caso use. Sobretudo se ele tiver sido receitado por outro profissional;
  • avalie, na hipótese de sentir dor de cabeça ou outro incômodo com frequência, em que momentos eles costumam ocorrer;
  • previna-se para o caso de ter de dilatar a pupila, situação em que você ficará impedido de dirigir e terá maior sensibilidade ao sol;
  • anote, antes da consulta, sobre todas as suas dúvidas e as tire com o oftalmologista;
  • relaxe no exame de refração, que é aquele em que o paciente precisa escolher a lente com melhor nitidez. Não existe resposta errada. O médico só quer avaliar o que é mais confortável para cada caso.

Como saber escolher um bom oftalmologista?

Primeiramente, é importante verificar se o registro dele do CRM, Conselho Regional de Medicina, está ativo. Se a consulta for em uma clínica, é recomendado verificar a idoneidade dela e o que falam sobre ela na internet. Hoje em dia, muitas empresas têm perfil nas redes sociais e permitem o agendamento online, o que facilita essa análise. É possível, ainda, pedir referências a conhecidos ou tentar entrar em contato com um paciente do médico a fim de verificar a opinião dele sobre os atendimentos.

A visita a um oftalmologista deve ser levada a sério, assim como qualquer outra especialização médica. Agir com prevenção é menos custoso que tentar cuidar de um problema grave depois.

Conheça as especialidades que a Fácil Consulta oferece. Entre em contato conosco para maiores esclarecimentos!

Você Também Pode Gostar

Nenhum Comentário

Deixe uma Resposta